Imagem Destaque
Thumbnail - Tomada de Decisão

Tomada de decisão no basquetebol

O jogo de basquetebol que é praticado hoje, está cada vez mais intenso o que obriga a tomada de decisão a ser mais rápida. A tomada de decisão é a habilidade em que jogador lê uma situação ofensiva ou defensiva e toma uma ação, como por exemplo, o jogador decide atacar o bloqueio direto, se a defesa decidir defender 2x1, o jogador com bola tem de tomar uma decisão seja passar ou atacar.

Infelizmente o treino de jovens atletas está concentrado cada vez mais na técnica pura e dura e nas capacidades atléticas do que propriamente na tomada de decisão.

Um jogador que tome boas decisões está sempre mais perto de ser um bom jogador. O facto de ter uma boa técnica aliado a uma boa tomada de decisão irá tornar o jogador muito dificil de defender.

Papel do treinador na tomada de decisão

Cada vez menos durante o jogo, o treinador é capaz de controlar a tomada de decisões dos seus atletas. O máximo que o treinador pode fazer durante o jogo é orientar os seus atletas a tomar decisões.

Durante o jogo, o treinador apenas controla entre 5% a 10%, isto incluiu descontos de tempo, estratégias defensivas e ofensivas e por últimas substituições. Os restantes 95% a 90% é tudo controlado pelos jogadores e as suas tomadas de decisões.

Se o treinador é impossível controlar a tomada de decisão dos jogadores, este mesmo tem de se voltar para o treino. O treino é o único local onde o treinador é capaz de controlar a 90% na tomada de decisão do jogador. Ele pode orientar e explicar qual a decisão a tomar numa situação específica, porém a mesma só se concretizará se for treinada e treinada vezes e vezes sem conta.

Uma situação modelo, todo o jogador que tenha a mínima qualidade de drible é capaz de driblar sem a pressão de um defesa, contudo se for colocado um defesa alguns jogadores já terão alguma dificuldade. Imaginemos que agora, para além do defesa pela frente, temos o pavilhão adversário cheio com 20 segundos para o fim e a equipa a perder por 2 pontos. Será que o mesmo jogador é capaz de manter o drible seguro com a pressão do defesa e a pressão do público.

A resposta será depende. Depende da tomada de decisão do jogador e da sua experiência.

Treino da tomada de decisão

Já se chegou à conclusão que treinar a tomada de decisão, é tão ou mais importante que treinar as capacidades atléticas como a técnica pura e dura.

O treino da tomada de decisão tem por sua vez obrigar o jogador a tomar de decisões, de preferência sem que o treinador dê a solução por imediato. Orientar o jogador a decidir sem dar a resposta não é tarefa fácil, o treinador tem obrigação de colocar o jogador a pensar na decisão.

Na primeira vez o mais certo é que o jogador não vá saber tomar a decisão, é como tudo na vida. Certamente na primeira vez que orientou um jogo, não orientou da melhor forma, ninguém nasce ensinado, e o papel do treinador é exatamente esse, ensinar o jogador a tomar decisões.

Um treinador que pouco intervenha no jogo, é sinal que tudo está a correr bem e que os jogadores estão a tomar as decisões corretas. O que por si quer dizer, que o treinador fez o seu trabalho e ensinou os seus jogadores a tomarem as decisões corretas.

Para treinar a tomada de decisão é fundamental colocar ao jogador situações reais de jogo. Um jogador não pode estar constantemente a treinar 5x0 se no jogo isso nunca acontece. Isto não quer dizer que é errado treinar 5x0, se o objetivo do treino é trabalhar a organização ofensiva é bem provável que se vá treinar o 5x0, no entanto não adianta estar a treinar constantemente 5x0 se no jogo vamos atacar 5x5.

O que fazer para treinar a tomada de decisão?

A tomada de decisão como explicado anteriormente coloca os jogadores em situações reais de jogo, portanto é indispensável introduzir defesas ao exercício, pois durante o jogo temos defesas, se é um, dois ou três defesas já depende do que é o objetivo do treino.

Exercício nº1: 11

Este exercício já é bastante antigo, e muito usado pelos treinadores. Sem dúvida é um exercício bastante rico para obrigar os jogadores a tomar decisões, pois coloca os jogadores numa situação constante de superioridade numérica pelo que obriga os jogadores a decidir de forma rápida.

O exercício começa com 3x2 numa tabela, após o jogo de 3x2 quem ganhar o ressalto ataca 3x2 para o lado contrário com quem estava de fora. E o exercício continua neste sentido
-Rotação: quem estava a defender ocupa as colunas de fora, quem estava a atacar e não ganhou o ressalto passa a defender
-Objetivo principal finalizar em contra ataque ser o mais rápido possível

11 Exercício de Contra Ataque
Gráfico 1
11 Exercício de Contra Ataque
Gráfico 2

Exercício nº2: 1x1

Uma outra forma de obrigar o jogador a tomar decisões, é jogar 1x1, mas jogar 1x1 de diversas formas sendo que o defesa não pode estar sempre parado à frente do atacante, temos de obrigar o atacante a jogar com o defesa à frente dele parado, ao lado, atrás dele, só desta forma o atacante será capaz de atacar 1x1 de qualquer maneira.

Exercício nº2.1: 1x1 com vantagem ataque

Este exercício começa com dois a dois com uma bola, um jogador a atacar e outro jogador a defender. Jogador que está a defender vai tocar no cone e tentar contestar o lançamento. Jogador que ataca vai finalizar ao lado vazio. O exercício só acaba quando há ressalto defensivo ou cesto convertido.

1x1 Vantagem do ataque

Numa segunda fase do exercício, ou seja, quando os jogadores estiverem a executar bem, devemos colocar limitações no número de dribles (Gráfico 1)

1x1 Vantagem do ataque

No segundo gráfico o jogador com bola começa de costas, roda para a frente e o defesa toma a decisão de escolher o cone (apenas quando jogador atacante rodar para a frente). (Gráfico 2)

1x1 Vantagem do ataque

Uma terceira variante, será o jogador com bola e mal o defesa queira pode decidir o cone que vai tocar, e o atacante ter que rapidamente mudar de direção ou não (dependendo do lado em que o defesa toca) para ir finalizar.

Uma quarta variante, será frente a frente no meio campo, vêm devagar (defesa de costas, atacante de frente) até à linha de três pontos e o defensor escolhe um lado e atacante, ataca lado vazio. (Gráfico 3)

Exercício nº2.2: 1v1 atacar o close out

1x1 atacar o close-out

O objetivo do exercício é melhorar a tomada de decisão do jogador que ataca. Ao inicio importante limitar que tipo de close-out é – longo ou curto. Jogador que ataca, importante verificar se ataca o pé mais avançado ou o espaço claramente vazio que o defesa deixou.

1x1 atacar o close-out

A dinâmica do exercício começa com 3 colunas duas nos cantos e uma a meio. A coluna do canto passa ao meio e meio passa ao outro canto. Quem fez o primeiro passe vai defender o outro canto.

Importante mudar as posições de ataque, de forma ao jogador que atacam serem capazes de atacar diferentes espaços do campo.

Exercício nº2.3: 1x1 em 6 segundos

1x1 em 6 segundos

O exercício começa com 2 colunas, no prolongamento do garrafão uma com bola e outra coluna sem bola. Jogador da coluna com bola, vai a driblar até 1 metro da linha de 3 pontos e entrega a bola ao jogador sem bola. A partir da entrega da bola 1v1. Jogador que ataca tem 6 segundos para finalizar, não há limite de dribles.

Só acaba quando houver cesto convertido ou bola recuperada da defesa. Caso haja ressalto ofensivo, ataque tem apenas 3 segundos para lançar e assim sucessivamente.

Variantes: Mudar posição de entrega da bola

Exercício nº3: 2 a 2 Lançamentos Decisivos

Um exercício diferenciado, da autoria de basketball immersion é o exercício de lançamento com tomada de decisão. É bastante útil para um jogador receber e poder tomar qualquer decisão mediante à reação do colega.

Um jogador lança e o outro apanha o ressalto durante 1 minuto. Após esse minuto trocam de funções.
Quando voltarem às funções iniciais trocam de posição.

3 posições à escolha
Jogador que passa a bola tem de fazer um gesto e mediante esse gesto o jogador que lança tem tomar a decisão.
Mãos à mostra – Devolve o passe
Mãos em baixo – Recebe e lança
Close Out c/ mão direita e perna direita – ataca o lado direito do defesa
Close Out c/ mão esquerda e perna esquerda – ataca o lado esquerdo do defesa
Salta para o lado – Um drible penetrante para esse lado muda de direção e finaliza do baixo do cesto

Watch this video on YouTube.

Mentalizado para dar mais enfâse à tomada de decisão?

Atenção que treinar só tomada de decisão não chega, o atleta para poder decidir tem de ter ferramentas para poder fazer, de que adianta um carpinteiro saber como se prega um prego se não tiver um martelo.

Um jogador para poder jogar um 1x1 tomando as suas decisões tem der saber lançar, driblar e parar. Essas são os “martelos” do jogador, tudo o resto é a sua decisão.

Ebook-Lançamento_AD-Rodapé

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

ARTIGOS RECOMENDADOS POR COACH AFONSO

CLIQUE NO BOTÃO EM BAIXO E OBTENHA JÁ O SEU EBOOK